sábado, 15 de outubro de 2016

ARTES E OFÍCIOS - XXVI

6.24.26 - Artes e Ofícios - Diversos


O Cego rabequista ou O Pobre Rabequista - quadro de José Rodrigues - 1855



Rendilheira


Sangrador e tira dentes


Tecedeira



Anglo-Portuguese Telephone


No tempo das telefonistas










Fábrica do Graham - tinturaria – Photo Guedes 1900



In O Tripeiro - Volume 1 



Vendedeiras de castanhas assadas – perto da Torre dos Clérigos e entrada Sul do Mercado do Anjo


Vendedeira de petiscos


Vendedeira de refrescos


Venda ambulante na Rua Escura - 1960


Vendedor ambulante


Na Foz, pelos anos 40 havia um vendedor que trazia cestas com inúmeros tipos de mercadoria. Cantava um pregão muito original:

“ Óculos e lunetas,
carrinhos ou carretas,
calçadeiras p’ra calçar socos,
pentes para carecas.


Vendedores ambulantes – 1960


Venda de castanhas na Rua da Baínharia




1 comentário:

  1. Olá
    Porto, cidade de Comércio....e comerciantes.
    Cumprs
    Augusto

    ResponderEliminar